Brain Performance

OP360º Health

Brain Performance

Nesta consulta é potenciada a Reserva Cognitiva, através de diversos estímulos, de modo a ter um efeito protetor à lesão e degenerescência das células cerebrais.

Se partirmos do pressuposto popular de que “Trabalhar dá saúde!”, embora numa perspetiva simplista e arcaica, estaremos perante o princípio basilar de Reserva Cognitiva.

Reserva Cognitiva é entendida como um mecanismo (multimodal) ativo de efeito protetor à lesão e degenerescência das células cerebrais, baseado nas competências adquiridas e otimizadas ao longo da nossa vida; fatores como o nível socioeducativo e profissional proporcionam um efeito protetor às alterações patológicas cerebrais.

Desta forma, pessoas com competências cognitivas mais desenvolvidas, com níveis educacionais mais elevados e cargos profissionais mais exigentes vão apresentar uma maior estimulação cognitiva, melhores estratégias de resolução de problemas e de compensação (aumento significativo do número de neurónios e circuitos sinápticos e, complexidade das redes neuronais). Quanto maior a reserva cognitiva maior potencialidade neuroplástica (capacidade que as células do cérebro possuem de restabelecer e/ou criar ligações entre si) e consequentemente melhores prognósticos fase a uma lesão/patologia cerebral.

Em suma, um cérebro otimizado será mais resistente ao processo de senescência (percurso natural de envelhecimento anatomofisiológico ao longo da idade adulta), mais e melhor preparado para recuperar de lesões e eficiente na luta contra o iniciar e evoluir de doenças neurodegenerativas.

Porque Prevenir continua a ser o melhor Remédio!