Neuropsicologia Infantil

OP360ºMum & Baby

Recuperação Pós-Parto

A Neuropsicologia Infantil é a Neurociência que estuda as relações entre o comportamento e o cérebro em desenvolvimento. Ajude e compreenda melhor o desenvolvimento cerebral do seu filho com as consultas de performance cognitiva, psicologia 1ª infância, Psicoeducação e psicologia comportamental.

A Neuropsicologia Infantil é a Neurociência que estuda as relações entre o comportamento e o cérebro em desenvolvimento, com o objetivo de aplicar os conhecimentos científicos das referidas relações no esforço concertado de corrigir, na medida do possível, as consequências derivadas de lesões cerebrais ocorridas ao longo da infância.

Performance Cognitiva

O cérebro infantil é um “mar de potencialidades”! A ciência confirma que a estimulação e o treino, certos, promovem o aumento da espessura do córtex não apenas por um maior número de células nervosas, mas também um aumento expressivo das ligações entre células (redes neuronais).

Toda a criança, através de um conjunto de exercícios de treino cognitivo e psicomotor, desenvolverá e otimizará as suas competências de cálculo, raciocínio, memória e visuo-construção.

Na consulta de Performance Cognitiva desenharemos um programa de treino cognitivo, a médio e/ou longo- prazo, à medida da criança e das suas expectativas.

Psicologia de 1ª Infância

Na vertente infantil, a avaliação Neuropsicológica tem por objetivo identificar o mais precocemente possível as alterações/atrasos no desenvolvimento cognitivo e comportamental resultantes de processos neuropatológicos pré e perinatais ou lesões adquiridas.

O processo de avaliação e acompanhamento infantil deve ser sempre global-contemplando todas as áreas neurocognitivas numa lógica de “não dissociação” funcional entre performances cognitivas. Ou seja, crianças que apresentem, por exemplo, imaturidade ao nível da atenção apresentarão indubitavelmente dificuldades ao nível do processo mnésico, que por sua vez resultará em esquemas de aprendizagem pouco eficazes e eficientes.

A consulta de Psicologia na 1ª Infância está indicada para a avaliação, acompanhamento e intervenção nas Perturbações de Desenvolvimento, Síndromes Epiléticas, Paralisias Cerebrais, Síndromes Infantis, etc., numa lógica de estimulação precoce potenciadora de ganhos neurológicos e estruturais a médio e longo prazo.

Psicoeducação

Quando a avaliação Neuropsicológica nasce de um contexto educacional, a propósito de uma sinalização/despiste de Défice de Aprendizagem, Alterações de Comportamento ou Necessidades Educativas Especiais, a avaliação deve ter em conta as interações entre as capacidades da criança, a sua personalidade, as características do professor, as necessidades e expectativas dos pais, o grupo, etc.

As Dificuldades de Aprendizagem encerram um conjunto heterogéneo de perturbações que se caracterizam por dificuldades significativas na aquisição e uso das competências de escuta ativa, produção de fala, leitura, escrita, raciocínio, operação matemática ou habilidades sociais. Podem incapacitar ou produzir lentificação nos processos de aquisições escolares, induzem desmotivação no aluno e precipitam o insucesso escolar.

A consulta de Psicoeducação está indicada para a avaliação, acompanhamento e intervenção nas Dificuldades Específicas de Aprendizagem tais como:

· Perturbações na leitura;

· Perturbações na expressão escrita;

· Perturbações no cálculo;

· Perturbações não-verbais.

Psicologia do Comportamento Infantil

Na primeira e segunda infância, serão os agentes educativos (pais, professores, educadores) os principais denotadores da existência de sinais de alerta no crescimento emocional e comportamental das crianças.

Ao contrário do ditado popular “Uma criança mexida e curiosa é uma criança saudável.” atualmente sabemos que não é necessariamente verdade e compreendemos a importância de se respeitar a individualidade de cada criança, o seu temperamento e a sua identidade. Uma criança que demonstre um comportamento disruptivo, ansioso, depressivo, de isolamento, inquieto, desatento, “desconectado da realidade imediata”, pouco ou nada social, é sinónimo de “pedido de ajuda”!

A consulta de Psicologia Comportamental Infantil está indicada para a avaliação, acompanhamento e intervenção nas Perturbações de Comportamento tais como:

· Espectro Autista

· Perturbações de Comportamento de oposição e negação

· Hiperatividade e Défice de Atenção

· Ansiedade e Depressão

· Perturbações do Comportamento Alimentar